ImperdívelNEW IN

Descubra os sítios para conhecer o lado “verde’” da cidade 

Numa cidade com tantos prédios charmosos e antigos, pastelarias e cafetarias também há espaço para áreas verdes e uma bela sombra debaixo de uma árvore. Lisboa é a Capital Verde Europeia 2020 por ter atingido indicadores sustentáveis importantes, entre eles o plantio de milhares de árvores e o fato de muitos moradores viverem a menos de 300 metros de uma área verde urbana. Não é incrível? E quem vem a Lisboa pode aproveitar também tudo isso. 

Por isso, a Lisboa Ride preparou as dicas dos principais sítios ao ar livre para apreciar sem pressas:

Parque Eduardo VII

foto @christianabernardes

O Parque Eduardo VII fica na região das Avenidas Novas, uma área mais moderna de Lisboa e um dos seus lados situa-se próximo à estátua do Marquês de Pombal. Com 25 hectares de extensão, a área verde pode ser avistada de longe. O jardim é impecável e há bancos para se sentar e apreciar a natureza. Além disso, a geografia do parque é inclinada, o que permite uma bela vista da cidade e do rio Tejo. Se for até lá, não deixe de fazer uma foto da vista! Também há um lago com peixes, parque infantil e restaurantes. O parque tem este nome desde 1903 em homenagem ao rei Eduardo VII de Inglaterra. 

Jardim da Estrela

foto @christianabernardes

Se está à procura de descanso na natureza, o Jardim Guerra Junqueiro ou Jardim da Estrela, como é mais conhecido, é o sítio perfeito. Há muitas árvores e facilmente encontrará uma sombra. É imprescindível tirar uma foto na emblemática na árvore gigante Figueira-da-Austrália.   

O jardim possui um ar romântico para os casais. Para as crianças, o lago dos patos, carpas e cágados é uma ótima distração. E claro, também há cafetarias e quiosques (ao ar livre!) para recarregar as energias e seguir o passeio. Uma das entradas do parque fica em frente à Basílica da Estrela. Aproveite para conhecer. É fantástico! 

Jardim da Fundação Calouste Gulbenkian

Este jardim é um convite para respirar natureza e cultura. Na entrada, pela Avenida de Berna, certamente vai ter vontade de se sentar na relva junto aos patos que lá vivem. Eles estão habituados ao movimento dos visitantes e circulam próximos às pessoas sem nenhuma cerimónia. O Jardim da Fundação Calouste Gulbenkian foi construído na década de 60 e é considerado uma referência na arquitetura paisagista de Portugal. 

Para ficar a saber melhor como este sítio foi projectado, visite o Centro Interpretativo do Jardim. Trata-se de um espaço multimédia para que o público possa perceber como o projecto arquitetónico foi pensado. A experiência acontece por meio de recursos audiovisuais. Aproveite, claro, para conhecer o Museu Calouste Gulbenkian. 

Jardim Amália Rodrigues

Outro sítio ao ar livre que respira cultura em Lisboa é o Jardim Amália Rodrigues, ao pé do Parque Eduardo VII. Amália Rodrigues (1920-1999) foi uma das mais brilhantes fadistas de Portugal e ficou mundialmente conhecida como a Rainha do Fado. O jardim possui uma arquitetura moderna e arrojada, com pontes, monumentos, uma grande esplanada e um lago artificial. A dica é sentar-se nesta esplanada ou mesmo na relva para aproveitar as belezas do jardim e ficar alguns minutos a fazer nada. 

Parque Florestal Monsanto

@christianabernardes

Se abrir o mapa de Lisboa, irá poder ver uma imensa área verde. É o Parque Florestal Monsanto. Um reduto da natureza na cidade que abriga outros sítios como a Mata de Benfica, o Miradouro dos Montes Claros e o Moinho do Penedo. Se os outros parques já são imensos…não é nada comparado com o de Monsanto. A área total tem 1000 hectares o que equivale a nada menos do que 1000 campos de futebol! E toda esta extensa área verde passa pelas freguesias: Benfica, São Domingos de Benfica, Campolide, Campo de Ourique, Belém, Ajuda e Alcântara. Monsanto é o maior parque florestal do país e um dos maiores da Europa. E uma dica para os ciclistas: pedalar pelo Corredor Verde de Monsanto, que faz a ligação até o Parque Eduardo VII. 

Outra dica da Lisboa Ride é visitar o site da Câmara Municipal de Lisboa, e explorar os sítios que quer visitar!

Gostou das dicas? Siga-nos nas redes sociais!

A Lisboa Ride leva-o onde você quiser. Experimente! (aqui leva pro site de experiências)

Similar Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *